Como Enfrentar as Dificuldades

Canção Nova

Efesios 6:11 “Revesti-vos de toda a armadura de Deus, para poderdes ficar firmes contra as ciladas do diabo”. Queridos leitores prestem bem atenção nesta Palavra, pois através dela o Senhor irá falar conosco hoje. O inimigo a cada dia tenta nos assustar, crescer sobre a nossa vida, com ameaças, intimidações e principalmente na área da saúde, nesse momento em que enfrentamos uma pandemia. Na área saúde temos sido ameaçados todos os dias por essa pandemia, muitos dos nossos foram mortalmente atingidos, outros foram feridos e ficaram com sequelas. Na área financeira, muitas pessoas perderam seus empregos, fecharam seus comércios e estão enfrentando o desabastecimento em casa. É uma luta para conseguir o pão de cada dia. Nos lares, os relacionamentos ficam fragilizados por conta de todos esses acontecimentos. Muitas famílias têm passado por desacordos, ataques contínuos e não resistem. E a Palavra aqui nos orienta a ficar firmes.

O inimigo se agiganta sobre nós, mas a Igreja de Jesus ensina o seu povo a não aceitar esta ameaça, essa posição. Intimidações e situações difíceis surgem todos os dias, nós não abaixaremos a cabeça, não encurvaremos nossos ombros, o inimigo não vai prevalecer sobre nós, em nome de Jesus Cristo.

Nosso adversário quer nos derrotar, ele arma ciladas no trabalho, em casa, nas Igrejas. Por todos os lugares, todos os dias. Nós precisamos estar atentos ao que a Palavra nos mostra aqui no versículo 12 “porque a nossa luta não é contra o sangue e a carne, e sim contra os principados e potestades, contra os dominadores deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal, nas regiões celestes”.

Você não precisa ser nenhum especialista para ter esta percepção, elas estão manifestas em nosso meio, nos atacando descaradamente sem nenhuma reserva. É só prestarmos atenção na mídia, nas redes sociais: respiradores jogados em terrenos baldios, escondidos em paredes falsas dentro de hospitais; vacinas sendo aplicadas nas pessoas sem a introdução do liquido; presos perigosos sendo libertados pela suprema corte como se fossem pessoas de bem e pessoas de bem sendo presas como se fossem perigosas; trabalhadores sendo agredidos; pessoas sendo presas por se manifestarem contra essas arbitrariedades.

Realmente as manifestações das forças do mal estão muito visíveis e identificáveis por qualquer cidadão de bem.