O que estamos devolvendo para a Terra?

Reprodução

De forma mais intensa, desde a Revolução Industrial, nós humanos temos consumido mais e de forma mais insustentável todos os tipos de produtos que criamos. Assim, não estamos permitindo que as gerações futuras encontrem o planeta na mesma condição que nossa geração encontrou.

Estamos retirando cada vez mais insumos e matérias primas da natureza, mais rápido do que ela pode “produzir” ou repor. Consideremos ainda que alguns itens que retiramos da terra não serão “produzidos” numa era em que atenda ao nosso consumo atual, como os combustíveis fósseis, por exemplo, que acabarão um dia.

Essa nossa necessidade para a manufatura dos produtos que, por vezes servem para facilitar a nossa vida, outras para atenderem à nossa gula ou deleite e uma menor parte que é realmente para atender às nossas necessidades reais, está consumindo o planeta muito rápido.

Ok! Dito isso, meio desesperançoso quanto a influir alguém quanto ao consumo exagerado usando essas informações (que conhecemos há décadas), proponho pensarmos em como estamos devolvendo para a natureza o que não usamos mais. Lembrando que tudo que consumimos vem, de alguma forma, da natureza: Da terra, das florestas, dos oceanos...

A maioria de nós descarta tudo no lixo comum, que segue para o Aterro Sanitário e se acumula por lá, até esgotar cada célula do Aterro e um dia, que tardará, mas chegará, não haverá mais espaço para o lixo. Assim seguimos, acumulando lixo em algum lugar que não vemos, ainda.

Pois bem, você, que não conseguiu consumir de forma sustentável, será que consegue descartar de maneira adequada?

Em nossa cidade há alguns anos existe a Coleta Seletiva, que recolhe os materiais industrializados (Papelão, Plástico, Vidro, Isopor, Metal...). Hoje a coleta porta a porta está pausada por conta da Pandemia, mas esses materiais recicláveis podem ser levados nos PEVs (Pontos de Entrega Voluntária de Recicláveis). Não há desculpa para não se descartar de forma correta!

E os orgânicos? Restos de frutas, legumes, verduras etc. que não consumimos? Fácil! Isso pode voltar para a terra, se não estiver contaminado, sem problema nenhum! Esse material se transformará em alimento para outras plantas, sejam nos pomares, hortas, jardins ou vaso de tempero. Esse processo é chamado Compostagem, e pode ser organizado em caixas com minhocas, diretamente no solo ou de diversas outras formas que não vão agredir o solo, muito pelo contrário, vão nutri-lo.

Resumo da conversa, convido ao querido leitor, à querida leitora, se conseguiu ou não consumir de forma consciente, que pelo menos devolva a terra o que consumiu da forma menos agressiva possível: Ou para a Coleta Seletiva ou fazendo Compostagem. Isso mostrará um pouco de gratidão a tudo que recebemos da Terra.