Tempos difíceis

“Sabe, porém, isto: nos últimos dias, sobrevirão tempos difíceis, pois os homens serão egoístas, avarentos ...mais amigos dos prazeres que amigos de Deus, tendo forma de piedade, negando-lhe, entretanto, o poder. Foge também destes.” (II Timóteo 3: 1)

Queridos leitores, percebam aqui neste texto que Paulo o escreve alguns anos depois de Jesus ser morto e ter ressuscitado. Talvez uns 30 anos.  Paulo, ainda Saulo, foi contemporâneo de Jesus. As escrituras não o citam, mas provavelmente Saulo estava em Jerusalém no dia da crucificação de Jesus.

A primeira citação do jovem Saulo nas escrituras foi durante o apedrejamento de Estevão logo após a ressurreição de Jesus.

Mas o que chama a atenção nas cartas paulinas é que ele fala dos fins dos tempos como se fosse acontecer em seus dias. Precisamos pensar melhor sobre isso.

Deus, desde a criação, vem estabelecendo limites para o homem e a mulher.  Em Gênesis 2:16: “E o SENHOR Deus lhe deu esta ordem: De toda árvore do jardim comerás livremente, mas da árvore do conhecimento do bem e do mal não comerás; porque, no dia em que dela comeres, certamente morrerás.”

Aqui vemos Deus estabelecendo a árvore do conhecimento do bem e do mal como um limite, pelo qual disse: dela não comerás para que não morram.

O que podemos observar estudando as Sagradas Escrituras é que o homem está sempre ultrapassando os limites, sempre precisando da misericórdia de Deus, do perdão de Deus, da intervenção divina para trazê-lo de volta para aquilo que Deus planejou para nós aqui na Terra. E lá no céu, agora.

Quando a Palavra do Senhor nos diz em  I Jo 1-19 que “o mundo jaz no maligno”. A proposta desta malignidade que está sendo estabelecida no mundo é uma destruição a longo prazo.  

Ela é envolvente e é trabalhada na mente das pessoas desde a infância, em pequenas mentiras, em fazer as coisas escondidas dos pais, em desobedecer às normas de casa, da escola etc. Ou seja, o plano de destruição satânica está atingindo o objetivo: a destruição da humanidade. 

Gente, nós precisamos de Jesus urgente. Jesus, socorro!  As pessoas, por esses dias, não discernem mais o certo do errado e fazem o errado como se fosse certo.

A única solução é Jesus, conhecer o Senhor, entender a Sua Palavra e mudar de vida