PL dá “carta branca” a Boy para negociar com Bolsonaro

Nota foi divulgada após reunião do partido; filiação segue sem data

Presidente Bolsonaro ainda não deu resposta ao PL: indeciso  / Foto: Divulgação

A movimentação do presidente da República, Jair Messias Bolsonaro, na busca por um partido segue sendo o assunto principal em Brasília. Em uma reunião realizada nesta quarta-feira (17), dirigentes regionais do Partido Liberal (PL) deram “carta branca” para o presidente nacional da legenda, Valdemar Costa Neto, o Boy, acertar os termos com o chefe de Estado.

O partido havia anunciado a cerimônia de filiação para o dia 22 deste mês, mas, devido a divergências durante as negociações entre as partes, o ato foi adiado. Caso Bolsonaro aceite, disputará a reeleição pelo PL em 2022.

Em Dubai, o presidente citou outras questões a serem discutidas com o partido, pontuando questões da pauta conservadora, assuntos de interesse nacional, política e relações exteriores. 

Procurado pelo O Novo, o deputado estadual Marcos Damasio (PL) comentou sobre os entraves em Brasília: “O presidente Bolsonaro tem um temperamento explosivo e, muitas vezes, acaba se precipitando em algumas declarações. Passado esse momento, ele reavalia a situação e volta atrás, se for necessário”, escreveu, em nota enviada pela sua assessoria.

O deputado também falou sobre a filiação do presidente à legenda. “Para o partido, é muito bom. Sua vinda nos dará grande visibilidade e nos torna protagonistas na disputa eleitoral para o cargo político mais importante do País. Além disso, nos fortalecerá no Parlamento, com a maior bancada na Câmara dos Deputados e em algumas Assembleias Legislativas, como a de São Paulo, por exemplo”, completou.

Também questionado sobre o assunto, o deputado André do Prado (PL) preferiu não se manifestar sobre o assunto. A redação do O Novo também entrou em contato com o deputado federal Marcio Alvino (PL), mas não obteve retorno até o fechamento desta edição.

Boy tem autonomia para fechar com o presidente Bolsonaro / Foto: Divulgação