As Dimensões

Salmos 124: 1. Não fosse o SENHOR, que esteve ao nosso lado, Israel que o diga; 2 não fosse o SENHOR, que esteve ao nosso lado, quando os homens se levantaram contra nós, 3 e nos teriam engolido vivos, quando a sua ira se acendeu contra nós; 4 as águas nos teriam submergido, e sobre a nossa alma teria passado a torrente; 5 águas impetuosas teriam passado sobre a nossa alma. 6 Bendito o SENHOR, que não nos deu por presa aos dentes deles. 7. Salvou-se a nossa alma, como um pássaro do laço dos passarinheiros; quebrou-se o laço, e nós nos vimos livres. 8. O nosso socorro está em o nome do SENHOR, criador do céu e da terra.

Nós que já conhecemos o amor de Deus, que já recebemos Jesus em nosso coração muitas vezes ainda não entendemos totalmente a dimensão dos cuidados de Deus Pai. Hoje quero declarar a você leitor alguns cuidados, algumas coisas maravilhosas que o Senhor faz em nossas vidas e nós muitas vezes nem nos apercebemos.

Eu quero te apresentar algumas dimensões dos cuidados de Deus em nossas vidas: Primeira dimensão, o verso 2 do texto nos mostra o cuidado de Deus e a Sua presença constante ao nosso lado. Até temos alguns bordões a respeito disso: quando alguém nos pergunta está sozinho e respondemos “não! Deus está comigo. Vai sozinho? Não, Deus vai comigo”.

Queridos leitores, Deus, Jesus e o Espirito Santo não se ausentam da nossa vida, não nos abandonam em tempo nenhum. Não nos deixam sozinhos hora nenhuma.

Nós é que por muitas vezes nos afastamos de Deus. Procuramos coisas que desagradam a Deus, nos envolvemos com coisas erradas.  Deus não habita no pecado, logo quando estamos pecando, estamos sozinhos, abandonamos Deus nesta hora. Não queremos a presença Dele nos incomodando. E muitas vezes ainda reclamamos... Deus me abandonou!

 Não! Deus não te abandonou, Ele está te observando de longe, mas ainda está do seu lado, você é que não percebe. Deixa eu te dar um exemplo da presença de Deus na nossa vida: Uma criança está brincando na praça e seus pais estão sentados num banco olhando de longe. A criança brinca tão distraída que parece estar sozinha, nem parece que os pais estão lá.

Quando ocorre alguma coisa que lhe oferece perigo como a presença de um cachorro, ou uma queda, ou uma pessoa estranha, ela imediatamente olha para o banco onde está a sua segurança, o seu socorro bem presente.

Ela sabe que pode contar com papai e mamãe e que eles estão ali bem perto o tempo todo.  Ela confia nisso. Com relação a Deus também é assim, precisamos sempre estar sentindo a presença Dele por perto. Não podemos nos distanciar porque o inimigo não perdoa.