Sorocaba compra remédios para o ‘tratamento precoce’ contra Covid-19

Prefeitura Municipal de Sorocaba gasta quase R$ 60 mil na compra de dois medicamentos para combate ao vírus

Divulgação

Na última sexta-feira, dia 19, foi anunciado que a Prefeitura Municipal de Sorocaba gastou quase R$ 60 mil na compra de dois medicamentos para ‘tratamento precoce’ de Covid-19. A medida foi feita para tentar diminuir os casos de coronavírus na cidade.

Ao todo, foram compradas 15 mil unidades de ivermectina, remédio sobre o qual, de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), há incertezas dos benefícios e danos potenciais. “Embora estimativas sugiram benefícios com ivermectina, fatores como limitações metodológicas dos estudos apontam que as evidências são insuficientes e que mais pesquisas são necessárias para confirmar ou descartar esses achados”, afirma.

Além disso, foram adquiridos também 15 mil unidades de azitromicina, remédio que também tem estudos inconclusivos. Ambos os medicamentos devem ser entregues em Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da cidade e terão distribuição gratuita.

Sobre o tratamento precoce, a Saúde Federal explica: “O Ministério da Saúde já havia recomendado que a qualquer sintoma as pessoas procurem imediatamente a unidade de saúde mais próxima. A ida ao médico, o diagnóstico precoce e o início imediato do tratamento, com a prescrição do medicamento mais adequado para cada caso, com consentimento do paciente, é o que pode fazer a grande diferença”.