Maria Cristina é a primeira a receber a aplicação da vacina CoronaVac em Guararema

O primeiro lote com 280 doses chegou na cidade nesta quarta-feira; ainda não há previsão de chegada dos próximos lotes

Arquivo Pessoal

Na manhã desta quarta-feira, Guararema teve a primeira cidadã vacinada contra a Covid-19 na cidade. O primeiro lote da vacina CoronaVac chegou ao município por volta das 8h50, e logo foi organizada a maneira que seria realizada a primeira vacinação no espaço que a prefeitura havia preparado para atender a demanda. 

A ação aconteceu na Escola Profissionalizante Prefeito Sebastião Alvino de Souza, no bairro Nogueira, onde funcionará nos demais dias a Central de Vacinação Coronavírus. A primeira pessoa a receber a aplicação da vacina foi a gerente de enfermagem da Santa Casa de Guararema, Maria Cristina Duarte Santiago, profissional da linha de frente na luta contra o coronavírus. 

Maria ficou emocionada e muito grata por ser escolhida a primeira colaboradora a receber a vacina na cidade, decisão foi realizada pelo Conselho Municipal de Guararema. “Gente é muito tranquilo, não dói. A emoção é muito grande, eu sinto muito respeito e gratidão pelo município, pelo lugar onde trabalho". A gerente trabalha há 21 anos na instituição e disse que sempre foi muito bem acolhida.

Os vereadores, André Araújo (PL), André Augusto (PSB), Marcos Britto Alemão (PSDB) e o presidente da Câmara Municipal, Sidnei Gordo (PL) também estavam presentes. O presidente contou como se sentiu "É uma satisfação fazer parte deste momento, depois de um ano tão difícil e triste como 2020 foi para todos nós. Hoje um dia histórico e de alegria, espero que 2021 seja um ano de esperança e renovação, e que a vacina chegue para todos" 

A secretária de saúde, Adriana Martins, explicou que a segunda dose da vacina deste primeiro lote está garantida, contudo, ainda não há previsão para chegada de mais lotes. Assim que forem divulgadas as novas datas o O Novo informará a população guararemense. 

O prefeito José Luiz Eroles Freire (PL), ressaltou a importância de permanecer seguindo todos os protocolos recomendados para conter a propagação da Covid-19 e o que este dia significa para a cidade "Essa vacina é o começo do fim da pandemia, mas as pessoas precisam se conscientizar que precisam continuar tomando os cuidados necessários, como evitar aglomerações, higienizar sempre as mãos, ou seja, cuidado de si próprio e das pessoas que você ama”.

O primeiro lote com as vacinas estava previsto para chegar ontem, 20, contudo o Governo do Estado de São Paulo adiou a entrega por questões de demanda e logística. O prefeito, já havia se posicionado nas redes sociais acerca do atraso na entrega do medicamento “Estamos trabalhando para iniciar a campanha de vacinação da melhor forma possível. Por isso, mesmo diante do atraso na entrega das doses pelo Governo do Estado, deixamos tudo preparado!” 

Vacinação em Guararema 

Nesta primeira fase, parte das vacinas serão destinadas aos trabalhadores de saúde que atuam na Santa Casa e estão na linha de frente do combate ao coronavírus, como deliberado pelo Conselho Municipal de Saúde em conjunto com a Secretaria de Saúde. A quantidade de doses disponibilizadas pelo Estado neste primeiro lote será suficiente para vacinar aproximadamente 50% dos trabalhadores da saúde que atuam no município. 

Ao todo, a rede pública de Guararema conta com cerca de 470 profissionais, incluindo servidores que colaboram no atendimento, na limpeza, no transporte, entre outros. Parte dos idosos hospedados nos asilos do município também serão imunizados nesta fase.