Mogi tem 35% das mortes por transito

Divulgação

Entre as 190 pessoas que vieram a óbito, devido a acidentes de trânsito nas dez cidades que formam o Alto Tietê, 67 delas sofreram acidentes na região do município de Mogi das Cruzes em 2018, o que representa um total de 35%. Analisando apenas o mês de dezembro, 8 das 18 vítimas de acidentes fatais, foram na cidade. Os dados vieram através do Movimento Paulista de Segurança no Trânsito (Infosiga) e foram divulgados nesta segunda-feira, 21 de janeiro, por meio da análise dos dados ainda foi possível verificar que o município conseguiu diminuir os acidentes terminados em mortes em 5% se comparado ao ano de 2017, de 200 casos caiu para 190. 55% dos casos de morte no trânsito ocorreram em vias municipais, 39,46% em rodovias e 5,26% não foram informados. A maioria das vítimas, 54,21%, vieram a morrer ainda no hospital, a segunda maior parte, 41,58%, no local do acidente e 1,05% não foram informados. Os dados ainda mostram que 86,32% das vítimas são do sexo masculino, em 51,05% dos casos quem vem a óbito é o condutor, 32,63% são pedestres, 12,11% são passageiros e 4,21% também não foram informados. Ainda sobre o perfil das ocorrências, 54% delas ocorreram no final de semana,
entre sexta e domingo. A Secretaria Municipal de Transportes frisou que vem trabalhando para a diminuição no número de mortes por acidente de trânsito, através de ações em parceria com o programa Mogi Pela Vida, são feitas atividades de engenharia de tráfego, educação para o trânsito e também de fiscalização, baseado em estudos técnicos desenvolvidos em locais que contém o maior índice de acidentes. Além disso, será feita a implementação de estruturas de segurança e acessibilidade, tudo dentro do convênio assinado com o Infosiga, que está em andamento. A previsão é de que sejam implantadas 58 rampas de acessibilidade, 45 travessias iluminadas de pedestres, 11 lombadas, 1 lombofaixa, 5 cruzamentos semaforizados, 4,5 mil tachinhas, 625 tachões, 110 novas placas e 26 mil metros quadrados de sinalização horizontal. Em 2018 foi criado o Comitê Municipal de Segurança Viária, na cidade de Mogi das Cruzes, o mesmo tem a missão de propor ideias para a melhoria de segurança viária, discutir ações e analisar o número de ocorrências registradas no território do município, a Prefeitura informou que vai reforçar e ampliar as ações como o Projeto Escola e Escola Mirim de trânsito a fim de diminuir o número indicador.