Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti recebe ampliação de leitos para UTI crônica

Em cerimônia que comemora os 93 anos da unidade, ação da Secretaria de Saúde do Estado visa aumentar a capacidade de acolhimento do centro médico

Divulgação

A rede de saúde pública do Alto Tietê terá ampliação de 44 novos leitos de UTI, destinados para pacientes crônicos adultos e crianças no Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti, em Mogi das Cruzes.

Anunciado pelo secretário de saúde do Estado, Jean Gorinchteyn, durante cerimônia em comemoração aos 93 anos da unidade nesta segunda-feira (02) contou com o presidente do CONDEMAT – Consórcio de Desenvolvimento dos Municípios do Alto Tietê, Rodrigo Ashiuchi, prefeito de Suzano, e autoridades.

Sendo ampliado, o Hospital Dr. Arnaldo passará a contar com 80 leitos de UTI para pacientes crônicos – 40 adultos e 40 de pediatria. Hoje, a unidade conta com 36 leitos em operação, sendo 8 para adultos e 28 para crianças.

Na ocasião, o secretário fez uma homenagem simbólica aos médicos Onofre Zambuzzi e Ricardo Baltazar Harada, que emprestam os nomes para as alas da unidade hospitalar.

O presidente do CONDEMAT destacou a importância da unidade hospitalar, sobretudo no enfrentamento à pandemia, e que em abril fez a abertura de 60 leitos para o tratamento de pacientes diagnosticados com a COVID-19.

 

“O Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti é um complexo muito importante para a nossa região, que há anos presta um trabalho de relevância para a população e, no momento que nossa região mais precisou, foi a retaguarda com a abertura de leitos específicos para o enfrentamento à Covid-19”, destacou o presidente, ao relembrar a parceria do CONDEMAT com o Governo do Estado, que viabilizou a implantação de um novo sistema de oxigênio na unidade, o que permitiu a abertura dos leitos de Covid-19.

 

De acordo com a coordenadora de Serviços de Saúde do Estado, Magali Vicente Proença, o Estado irá buscar os recursos para ativação destes novos leitos, que permitirão a ampliação do tratamento aos pacientes crônicos da região.

A cerimônia também contou com a presença da diretora do Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti, Fabiana Santos Fonseca; do deputado estadual, André do Prado; do secretário de saúde de Suzano, Pedro Ishi; dos vereadores de Mogi das Cruzes Iduigues Martins e Malu Fernandes; e do secretário executivo do CONDEMAT, Adriano Leite, e demais autoridades e funcionários do hospital.

 

93 anos do Hospital Dr. Arnaldo Pezzuti Cavalcanti

Fundado em 1928, a partir do antigo sanatório de Santo Angelo. O hospital é o primeiro hospital colônia do Brasil. O complexo foi construído para abrigar pacientes com Hanseníase, que no século 19 era uma doença considerada altamente contagiosa e sem cura.

A partir de 1960, com os avanços no tratamento da Hanseníase, o hospital passou a receber outros pacientes crônicos, porém até hoje abriga cerca de 50 colonos hansenianos, que optaram por permanecer no local.

Atualmente a unidade hospitalar é referência no país para o tratamento de pacientes de longa permanência, conta com 850 funcionários diretos, e além dos leitos de UTI Crônica Adulta e Pediátrica; dispõe de unidade asilar; área de infectologia e ambulatório de especialidades, realizando em média 1.123 atendimentos ambulatoriais por mês.

Recentemente o hospital também iniciou o atendimento de recuperação pós-Covid-19.