Câmara de Mogi das Cruzes questiona desapropriações e reintegrações de posse no município

Pedido dos legisladores vem após a desapropriação e reintegração de posse feita no Jardim Aeroporto/ Planalto

Prefeitura Municipal de Mogi das Cruzes

Na quarta-feira, dia 17, a bancada do PSD, formada pelos vereadores Edson Santos, Milton Lins da Silva (Bi Gêmeos) e Otto Rezende solicitou à Prefeitura de Mogi das Cruzes informações sobre os processos de desapropriação e reintegração de posse no Jardim Aeroporto/ Planalto, bem como detalhes da ação realizada em conjunto com o Ministério Público, Polícia Militar, Guarda Civil Municipal e Secretarias Municipais.

Além disso, os legisladores cobram um Informativo Social das famílias, e detalhes sobre atuação do Poder Executivo, incluindo respostas sobre a instalação da rede de água pelo SEMAE (Serviço Municipal de Águas e Esgotos) no local. Eles questionam ainda, a apresentação de um mandado de reintegração de posse para demolição e despejo das famílias.

"Compreendemos a necessidade do cumprimento de uma ordem judicial, mas o momento que todos estamos passando exige sensibilidade, diálogo e se possível, à solicitação de prazos maiores para essa tomada de decisão", explica o Vereador Bi Gêmeos.

No requerimento assinado por oito vereadores, são exigidos dados sobre: quais áreas estão em processo de desapropriação, número de famílias envolvidas, plano de trabalho para o cumprimento das próximas decisões judiciais, informações sobre subsídios aos moradores destas localidades e transparência quanto aos mecanismos de controle para as tomadas de decisões.