Suzano anuncia adesão ao ‘passaporte da vacina’, diz Comitê

Exigências serão direcionadas somente a bares, baladas e casas de show; parques, teatro, cinema, estádio e ginásios; e seminários e eventos com mais de 300 pessoas

Bares, parques, teatro, cinema, estádio e ginásios exigirão o passaporte / Foto: Wanderley Costa/Secop Suzano

A Prefeitura de Suzano aderiu ao “passaporte da vacina”. A medida, estabelecida pelo Comitê Municipal de Enfrentamento ao Coronavírus, entra em vigor na próxima quarta-feira (8) e busca dar maior segurança à população suzanense, além de estimular a imunização de quem ainda não tomou a vacina da Covid-19. A iniciativa foi anunciada na tarde desta quarta-feira (1) pelo prefeito Rodrigo Ashiuchi.

A exigência do cartão de vacinação será feita somente em bares, baladas e casas de show; parques, teatro, cinema, estádio e ginásios; e seminários e eventos com mais de 300 pessoas. Nos locais, o cidadão deverá apresentar o documento físico ou virtual, este último pelo aplicativo “Conecte SUS”, do Ministério da Saúde.

Segundo o Comitê, os cidadãos precisarão ter recebido pelo menos a primeira dose para acessar os ambientes, salvo aqueles que não podem se vacinar por questões de saúde. Nestes casos, serão solicitados comprovantes médicos.

“Quando uma pessoa não está imune, ela acaba colocando em risco todos a sua volta. Inclusive, aquelas que não podem se vacinar por questões médicas. Por isso, estamos adotando essa medida, buscando assegurar a população e também estimulando a vacinação de quem ainda não buscou a aplicação”, explicou o prefeito.