Empresário e memorialista, Figueredo fala sobre Festival idealizado por ele

O empresário e memorialista João Augusto da Silva, apelidado como “Figueredo”, é uma das pessoas mais populares de Guararema. Nascido em São Paulo em 1968, mudou-se com a família em 1976 para Guararema, onde reside até hoje. Aos 50 anos, acumula experiências e histórias, da vida pessoal, do local onde mora e de
pessoas marcantes. Ele já trabalhou com limpeza de quintal, em restaurantes e lanchonetes. Também já teve  experiência na Prefeitura, nos setores de Cultura e Turismo. Sempre envolvido com causas sociais, assistenciais e
culturais, Figueredo administra a página Guararema Web TV no Facebook, que tem mais de 25 mil seguidores
e atua como um canal ligado à comunidade. Recentemente, Figueredo criou o Festival Sabores de Guararema, que reúne empreendimentos do setor gastronômico e acontece até o dia 29 de julho.

COMO O FESTIVAL SABORES DE GUARAREMA FOI IDEALIZADO?

"O evento foi idealizado a partir do momento em que se realizou em Guararema o Encontro Mundial de Chefs, no Guararema Parque Hotel. Um grupo de empresários do setor gastronômico se reuniu e fez uma apresentação  especial da gastronomia da cidade para os chefs e a partir dali surgiu a ideia de fazer um festival gastronômico na
cidade, só que muitos fi caram apenas falando, conversando e o negócio não desenvolveu. Como eu fazia parte desse grupo da organização do evento, dando o apoio necessário aos chefs, eu tomei a iniciativa de criar este festival de Sabores."

QUAL A IMPORTÂNCIA DO FESTIVAL PARA O MUNICÍPIO?


"De um tempo para cá, o movimento tem caído muito [no comércio local] então muitos têm colocado a venda, tem passado o ponto ou até mesmo fechado estabelecimentos e isso estava me incomodando. Então tomei a iniciativa
e graças a Deus está dando certo! Com o Festival a gente pode fomentar ainda mais a economia turística na cidade, pois os restaurantes são reconhecidos."


COMO FUNCIONA O FESTIVAL E COMO ELE ESTÁ SENDO RECEBIDO NA CIDADE?


"São 26 comércios participantes da cidade. Estamos fazendo uma ação com cartazes e “passaporte gastronômico”,
o que é muito interessante. As pessoas que consomem nesses estabelecimentos recebem um carimbo e a cada três carimbos, preenchem o passaporte e retiram um novo. Com o passaporte, no final do Festival, a gente irá fazer sorteios de uma cortesia de cada estabelecimento. Vai ter passeio de Maria Fumaça, hospedagens e outros brindes. O Festival está acontecendo e está sendo muito bem aceito! Cada chef destaca um prato. Criamos uma bandinha, junto com o maestro Flávio da Escola Roberto Feijó e outras escolas que tem saído em Guararema e cidades da  região para fazer a divulgação."


CONTE UM POUCO MAIS SOBRE O SEU TRABALHO E A PÁGINA GUARAREMA WEB TV. COMO
ELA FOI CRIADA E É ADMINISTRADA ATUALMENTE?


"O meu trabalho sempre foi por Guararema, desde os meus 12 anos de idade. São 38 anos dedicados à cidade. Já trabalhei e tive jornal, escrevi matérias para jornais e revistas, participei de entrevistas em rádio e canais de televisão em toda a região, sempre levando o nome de Guararema para todo canto. A página nasceu “do nada”.
Na minha página pessoal, ia fotografando e publicando as fotos e as pessoas acabavam pedindo ou copiando, ou ainda tirando o meu nome, então comecei a fazer vídeos com as fotos e surgiu a página. Foi uma forma legal de divulgar meu trabalho. Eu trabalho sozinho, gosto de fazer do meu jeito, então o negócio sai bem feito."


O QUE É A GUARAREMA WEB TV PARA O SENHOR? QUAL A IMPORTÂNCIA DELA PARA SUA VIDA PESSOAL E PROFISSIONAL?


"A Web TV é um canal de comunicação, uma empresa constituída. Estamos trabalhando para que o canal possa crescer e ter uma condição melhor para fazer a cobertura ao vivo de tudo que acontece em Guararema. A importância da página é muito grande na minha vida pessoal e profi ssional porque hoje eu vivo dela! São os anúncios feitos na página que mantém a mim e meu trabalho."

HOBBY: "Fotografar"
UM LUGAR: "Ranchinho"
UM AMOR: "Ana"
UMA COMIDA: "Parmegiana"
UMA INSPIRAÇÃO: "Guararema"
MOMENTO INESQUECÍVEL: "Um
jantar com uma pessoa especial"
UM LIVRO: "Estação Memória"
UM SONHO: "Lançar o meu livro"