Campanha contra Pólio e Sarampo é prorrogada

Após os números serem apresentados baixos em todo o Brasil, o Ministério da Saúde  decidiu prorrogar a campanha de vacinação contra Sarampo e da Poliomielite  até o dia 14 de setembro. Por conta disso, todas as Unidades de Saúde de Jacareí e Guararema continuam ofertando a vacinação das 8h às 16h. A estratégia é feita em parceria com o Governo Federal, com o objetivo de manter elevada a cobertura vacinal  nos municípios. 
A Diretoria de Vigilância à Saúde de Jacareí divulgou nesta semana que vacinou 963 pessoas durante o “Dia D” no último sábado, 1,  contra a poliomielite (480) e o sarampo (483), a cidade alcançou 77% da meta de imunização. Ao todo, em Jacareí já foram imunizadas na campanha 17.482 pessoas, sendo 8.838 contra a pólio e 8.644 contra o sarampo. A meta municipal é atingir 11.500 pessoas para cada uma das vacinas, o que equivale a 95%. Já na cidade de Guararema foram 1.826 pessoas vacinadas, o município atingiu a meta. As vacinas continuarão sendo aplicadas nas Unidades de Saúde das cidades
O sarampo é uma doença altamente contagiosa causada por um vírus transmitido por meio de espirros ou secreção de uma pessoa infectada. Os sinais mais comuns de infecção são manchas vermelhas pelo corpo, irritação dos olhos, tosse persistente, corrimento do nariz, mal-estar e manchas brancas na região interna da boca. Em casos mais graves, é comum o paciente apresentar sintomas como pneumonia, conjuntivite, febre, convulsões, entre outras decorrências que podem levar à morte.
No caso da poliomielite, que pode causar a paralisia e até mesmo a morte, o cuidado deve ser redobrado, uma vez que a doença nem sempre manifesta sintomas. Quando eles se manifestam, são dores na cabeça ou na garganta, mal-estar, vômito, dor nas costas ou rigidez muscular (principalmente nos membros inferiores). Normalmente, o vírus da pólio é transmitido em locais que não possuem saneamento básico e condições de higiene precárias.