Passarela do Guanabara é entregue e guararemenses declaram satisfação

Divulgação CCR NovaDutra

Nesta segunda-feira, 2, a concessionária CCR NovaDutra anunciou a entrega de uma  passarela em Guararema, na altura do km 181+400 da via Dutra. Além desta obra, que beneficia os moradores da região do Guanabara, foi entregue outra passarela em Arujá, no km 203,5, para os que utilizam o Centro Empresarial do município e moradores dos bairros Jardim Joia, Jardim Tupi, Nova Arujá e Jordanópolis. 
A construção da passarela em Guararema já vinha sendo solicitada há anos por moradores e vereadores, que pediam por mais segurança para atravessar a rodovia. Os deputados André do Prado (estadual) e Marcio Alvino (federal) também trabalharam para a concretização do investimento. 
Na última sexta-feira, 29, houve entrega simbólica da construção em Arujá. Estiveram presentes Adriano Leite, prefeito de Guararema,  Sérgio Lobo, presidente da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Valter Casimiro, ministro dos Transportes, Portos e Aviação Civil e os deputados que intermediaram a realização. Também acompanharam a entrega os vereadores de Guararema André da Costa, Zezão do Porto, Tiu, Junior da Casa de Ração e Eduardo Moreira, além de lideranças da região e representantes da CCR Nova Dutra.  
Nas redes sociais, o deputado André do Prado comemorou a entrega da passarela. “Sei o quanto o deputado Marcio Alvino trabalhou para viabilizar esta obra que vai salvar vidas. As pessoas não vão precisar se arriscar na travessia pelas pistas de uma das mais movimentadas rodovias do Estado. Moradores das Chácaras Guanabara, Jardim Luiza e Parateí serão beneficiados”, disse. 
O técnico em Farmácia Bruno dos Santos, 21, afirma que a construção foi satisfatória. “É uma luta de anos. Eu sempre utilizei a rodovia como ‘plataforma’ de transporte, o que era perigoso. A passarela foi um divisor de águas para os munícipes", relatou. Para Bruno, que estuda em São Paulo e precisa atravessar a passarela durante a madrugada, a construção oferece  conforto, rapidez e segurança, além de ajudar a diminuir o índice de mortalidade no  bairro.
A guararemense Leila Garcia, 36, trabalha em uma clínica de fisioterapia em Arujá e também utiliza a passarela diariamente. Ela concorda que a construção foi positiva aos moradores da região. "Ficou muito mais seguro atravessar pela passarela. Antes era muito complicado devido a neblina e chuva", explicou.
De acordo com a CCR NovaDutra,  as estruturas foram construídas pela Concessionária e as obras contaram com a ligação da iluminação por parte das prefeituras municipais.