Balanço da primeira semana com aulas presenciais na rede estadual

Munícipes reclamam da falta de ônibus no horário de saída dos estudantes; Prefeitura afirma que não recebeu denúncias

Reprodução

O retorno gradual das aulas presenciais na rede estadual de Guararema foi liberado para ter início na última segunda-feira, 8. Assim, seguindo os protocolos sanitários e determinações para conter a proliferação do vírus, instituições localizadas no município voltaram a receber os alunos.

Para a rede estadual, neste início do ano letivo, foi determinada a presença limitada de até 35% dos alunos matriculados, e cada unidade pôde definir como realizaria o rodízio de estudantes e suas atividades presenciais e remotas. A carga horária também pôde ser adaptada para o cumprimento das normas.

Procuramos escolas da região para obter um balanço dessa primeira semana de aulas presenciais, após cerca de 9 meses com a modalidade de ensino à distância. As instituições consultadas estavam contentes com a volta dos estudantes para a sala de aula, e apesar dos receios quanto ao cumprimento das normas instituídas pelo Governo do Estado, as escolas sentiram um bom retorno por parte dos alunos, que seguiram os protocolos securitários. 

Esta semana também foi focada no acolhimento de pais e estudantes e na adaptação às novas recomendações que devem ser seguidas. Houve relatos sobre a falta de ônibus no horário de saída dos estudantes matriculados em escolas próximas ao bairro Parateí. Procurada pelo O Novo, a Prefeitura Municipal de Guararema afirmou que analisou o fato junto à equipe operacional e constatou que não houve nenhum registro de ocorrência dessa natureza. Além disso, afirmam que estão seguindo e cumprindo todos os horários referentes a entradas e saídas, conforme orientação da Secretaria Municipal de Educação.

Para mais informações entre em contato pelo telefone (11) 97365-7204, disponibilizado pelo Executivo.