"Marmitarias" lucram em São Paulo e viram tendência para sair da crise

Em meio a crise comércios estão se adaptando para gerar renda

Diante da crise econômica e altos preços de restaurantes em São Paulo, trabalhadores estão recorrendo a alternativas mais econômicas e que está virando tendência no mercado: as "marmitarias".

 

Alguns comercios que se viram na crise se adaptaram e estão abrindo as portas de seus restaurantes, bancas para virar ponto de esquentar as marmitas dos trabalhadores, que não querem gastar em restaurante e preferem levar sua comida de casa e esquentar em algum lugar. Os preços são variados, podendo chegar de R$1 até R$ 2,50 pelo serviço, onde há o armazenamento das marmitas e o aquecimento delas.

 

As marmitas acabam virando uma coisa mais pratica, e segundo relatos de pessoas que usam desses comercios que esquentam a marmita, a conta no final do mês sai bem mais barata e conseguem usar esses gastos para outras coisas.