Colégio Integrado de Guararema dá continuidade no sistema Poliedro

Divulgação

A Prefeitura de Guararema adotou o sistema Poliedro no ano de 2014 para as turmas de educação infantil aos alunos da pré escola de 4 a 5 anos, e os alunos do ensino fundamental do primeiro ao quinto ano. 
A Representante da Secretaria da Educação de Guararema, Aline Amorim Marques contou que notou que houve muitos avanços da rede municipal desde quando o sistema de ensino Poliedro foi inserido nas escolas, "neste ano foi divulgado os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB), e a cidade de Guararema alcançou um resultado acima da meta projetada, o que comprovam que o sistema Poliedro é o responsável por aumento dos índices", explica. 
Nas escolas municipais, o sistema Poliedro funciona até o quinto ano,  mas é muito  importante que os alunos deem uma continuidade na qualidade de ensino. O colégio Integrado de Guararema pensando na importância de um projeto pedagógico inovador aos alunos do ensino fundamental II e médio, fez uma parceria com o Sistema de Ensino Poliedro para o próximo ano letivo. 
A intenção do colégio é que os alunos de todas as idades tenham habilidades trabalhadas no acadêmico e intelectual.Outro benefício que o colégio Integrado de Guararema traz é o conforto dos pais de não precisarem ir até uma cidade próxima para dar continuidade há um ensino de qualidade, o Jornal O Novo conversou com o gestor do colégio integrado Pablo Monteiro, que explicou as vantagens que os pais encontram com um colégio que tenha parceria com o sistema Poliedro “essa parceria vem de uma necessidade que detectamos na cidade, para que os pais não precisem sair de Guararema para ter um sistema de ensino que esteja a altura daquilo que as famílias esperam”, disse. 
Sobre a expectativa do ano letivo de 2019 onde começará a ser aplicado o sistema Poliedro no colégio Integrado, Pablo Monteiro afirma “nós esperamos que o rendimento acadêmico e o desenvolvimento de habilidades e competências dos alunos sejam cada vez mais evidentes”, explica.