Eu quero enxergar

Todos nós passamos por situações difíceis das quais muitas vezes não temos a solução e nem por onde começar uma tentativa de solução. Eu estive diante de uma situação que não tinha solução, não sabia o que fazer nem por onde começar, sem experiência na época, clamei por Deus, pelo Senhor, único Senhor e eis me aqui solucionado, não morri. Bartimeu tinha um problema de saúde sério, era cego, ele não tinha como solucionar isso, já estava conformado com a situação e até usando ela a seu favor pedindo esmolas. Marcos 10:46. Bartimeu aos olhos das pessoas era um homem sem valor, é assim que a sociedade vê as pessoas com problemas, com dificuldades, as vê como perdidos e sem valor, a multidão que seguia Jesus não queria que ele nem se aproximasse Dele, queriam que ele ficasse calado diante de Jesus. Porque as pessoas não queriam que ele se aproximasse de Jesus? Jesus estava ali... passando, porque não queriam que Bartimeu conhecesse Jesus, falasse com Jesus? Egoísmo. Isso não é diferente nos nossos dias, as pessoas estão com problemas, estão à margem do caminho e nós somos a multidão que está com Jesus, que anda com Jesus, logo não nos importamos com elas, não apresentamos Jesus para elas. Ficamos com Jesus somente para nós, com a salvação somente para nós, dentro da Igreja somos discípulos de Jesus, buscamos aprender e praticar o amor de Jesus, a sermos conforme a sua imagem. Dizemos que vivemos em Cristo e Ele em nós, Galatas 2:20. E fora da Igreja quem somos? Somos de fato esse cidadão conforme a imagem de Cristo, como aprendemos diariamente na Igreja? Ou somos a multidão que tem Jesus e nem olha para o perdido? E se ele gritar o repreendemos e mandamos que se cale. Muitas pessoas com problemas sérios já ouviram falar de Jesus, mas nós não os levamos até Jesus. Não falamos para ele que é Jesus que está passando. Meu querido leitor, meu irmão, minha irmã nós temos as marcas de Cristo, as pessoas precisam enxergar em nós a figura do Cristo. Bartimeu já havia ouvido falar de Jesus, de suas curas milagrosas, de seu poder e sabedoria do Reino de Deus, mas o povo não se importou com ele, as pessoas queriam Jesus cada um para si, a sua maneira, mas para si. Não queriam dividir com ninguém, principalmente com um cego e perdido como Bartimeu. Isso é muito sério irmãos pois hoje não é diferente, estamos mais preocupados com nós mesmos, com o que é bom para nós do que em apresentar Jesus para o perdido. As margens do caminho existem muitos Bartimeus precisando ter um encontro com Jesus. Facilite a vida desses homens, apresenta Jesus para eles. Faça a diferença na multidão dos que andam com Jesus.