O agir de Deus

O agir de Deus é muito diversificado Ele age de muitas formas e é necessário prestarmos atenção em tudo o que Deus nos ensina, aprendermos a conhecer este Deus maravilhoso que servimos.  Muitas pessoas na igreja têm considerado a si mesmos como membros sem importância, se acham sem valor e sem conhecimentos, por isso fazem pouco quase nada, ou nada mesmo na igreja, ficam dependendo dos outros, do que os outros vão fazer por eles, a modernidade tem dado as pessoas tudo mastigado de forma que ninguém quer fazer o mínimo esforço para superar algo que não está dando certo.
Jesus, Pedro, Tiago e João estavam retornando do monte onde haviam presenciado a transfiguração de Jesus, Mc 9:2. Encontraram uma multidão ao redor dos discípulos e os escribas discutindo com eles, de imediato não entenderam o que estava acontecendo, até que um homem do meio da multidão vem e diz: “Mestre eu trouxe o meu filho possesso de um espirito mudo para os seus discípulos, pedi para eles expulsar o espirito, mas eles não puderam fazer, não conseguiram! ”  Mc 9:17.  E Jesus então questiona o pai sobre algumas coisas a respeito do menino, então expulsa aquele demônio e o menino foi curado, foi liberto.  Vem a grande questão para os discípulos: Por que nós não pudemos expulsa-los?  Queridos é fácil de entender os sentimentos desses homens, eles já tinham sido tão bem-sucedidos em tantos outros casos, já tinham expulsado, curado, já tinham experiência e agora falharam! Por que falharam? Estavam tão confiantes ao tratar deste caso, afinal é só mais um caso entre tantos. Não contávamos com esta falha, e perguntamos: O que aconteceu, por que falhamos? E Jesus tratou desta situação como se estivesse tratando hoje com a sua igreja.
A resposta de Jesus foi: “Esta casta não pode sair senão por meio de oração e jejum” O que Jesus quer dizer aqui é: Queridos aprendam a diferenciar as coisas, cada caso é um caso, nada é igual, ou seja, tenham atenção com as coisas de Deus na casa de Deus. Não se alegre achando que você pode, tem o poder e por isso pode fazer de qualquer jeito. É preciso orar, jejuar, se preparar para este tipo de evento dentro do nosso contexto de igreja moderna. Isso é passível hoje, pastores, igrejas, denominações, irmãos agindo tão liberadamente que não precisam mais de Jesus. Não buscam conhecimento não oram, não jejuam, não procuram discernir as coisas espiritualmente.  A igreja (nós) precisa aprender nos dias de hoje esta lição. Talvez seja esta a razão de tantos fracassos dentro da igreja.  Não estamos considerando “esta casta” superior.  Não estamos orando e jejuando para exercer o ministério de libertação aos perdidos sem Jesus.  Vamos mudar isso neste ano de 2019?