Alunos se adaptam a nova ferramenta para assistir aulas online em Guararema

As aulas remotas na rede Municipal de Ensino vêm sendo desenvolvidas desde 11 de janeiro, com o início do ano letivo de 2021

Divulgação

Após a suspensão das aulas presenciais em decorrência do avanço da pandemia em todo o Estado de São Paulo, o ensino remoto em Guararema voltou a ser protagonista. As aulas online na rede Municipal de Ensino vêm sendo desenvolvidas desde 11 de janeiro, com o início do ano letivo de 2021. 

A partir de 18 de janeiro, quando houve a retomada gradual das atividades presenciais no modelo híbrido, os professores passaram a ministrar as aulas utilizando a plataforma G Suite for Education. O sistema, adotado de forma oficial pela Secretaria Municipal de Educação, conta com a ferramenta Google Classroom, espaço virtual em que as aulas são ministradas.

Neste ambiente virtual, são disponibilizadas as atividades que os estudantes devem realizar em casa. Na prática, elas variam entre exercícios escritos, vídeos, podcasts, entre outras. Além disso, professores utilizam o Google Meet para conexão em tempo real com os alunos, otimizando o aprendizado.

"Eu gostei de estudar em casa porque a escola disponibilizou essa nova plataforma, o Google Sala de Aula. Nesse sistema eu tenho contato com os professores, vejo se a lição está pendente ou atribuída, e se está correta ou não”, comenta o estudante Pedro Martinez Rodrigues de Oliveira, do 4ª ano da Escola Prof. Dr. Domingos Lerario. “E ainda tem o chat que eu converso com os colegas e professores.  Eu gosto bastante do Google Meet para fazer videochamada com o professor”, completa Pedro. 

Com o objetivo de apoiar professores e gestores no uso de soluções tecnológicas em seu dia a dia, a Secretaria Municipal de Educação está em tratativas para a contratação de formação continuada específica, que contribuirá para aprimorar o aprendizado flexível e personalizado, capaz de auxiliar estudantes a alcançaram melhores resultados.

Na última semana, devido à volta à fase vermelha do Plano São Paulo e o agravamento da pandemia em todo o Estado, Guararema suspendeu por duas semanas as aulas presenciais nas Redes Municipal, Estadual e Particular.