Em 40 dias, Caravana de testagem da Covid realiza 9,8 mil exames

A Caravana começou o atendimento no dia 28 de junho e encerrou as atividades na sexta-feira (6)

PMMC

A Caravana Mogi Contra a Covid-19 encerrou o atendimento ao público na última sexta-feira (6). Em 40 dias de campanha, a estrutura montada para promover testagem gratuita e itinerante passou por cinco lugares e atendeu 9.871 pessoas. Deste total, 547 exames foram positivos e todos os pacientes encaminhados para a Central de Monitoramento da Covid-19 ou serviços de saúde, conforme as necessidades dos casos.

“A Caravana Mogi contra a Covid-19 foi um serviço de extrema importância que possibilitou a busca ativa de novos casos e a garantia de acompanhamento e tratamento precoces”, explica a coordenadora da Saúde da Mulher e da Criança, Gisele Menichelli, que coordenou as ações em campo. 

O atendimento começou no dia 28 de junho na UPA de Jundiapeba. Na sequência, a Caravana passou pela Praça Oswaldo Cruz, no Centro, em Cezar de Souza, e em Braz Cubas, no estacionamento da Havan e na rua Thuller. 

Em todos os locais também foram destinados espaços para testagem dos comerciantes e funcionários do comércio, trabalho realizado por meio de uma parceria da Secretaria Municipal de Desenvolvimento com entidades como Associação Comercial de Mogi das Cruzes, Sincomércio e Sincomerciários. No total, 298 comerciantes e comerciários foram testados, sendo 5 positivos para a Covid-19.

O exame ofertado foi o Teste Rápido Antígeno, que realiza a detecção qualitativa de antígenos de SARS-CoV-2 em amostras de swab coletadas da nasofaringe e/ou orofaringe (nariz ou boca) e resultado em 20 minutos. Os casos positivos são encaminhados para a Central de Monitoramento da Covid-19, que conta com equipe multidisciplinar para orientar sobre os cuidados e procedimentos indicados. A ação foi resultado de uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde com INTS – Instituto Nacional de Tecnologia e Saúde.