Suzano Vôlei faz estreia contra a Seleção do Chile

Partida inaugural foi decidida no tie-break; time chileno levou a melhor: 3 sets a 2

Irineu Junior/Suzano Vôlei

O Suzano Vôlei fez a sua estreia contra a Seleção do Chile na noite de sábado (21), após 14 anos, na Arena Suzano. Em duelo equilibrado, os chilenos levaram a melhor por 3 sets a 2 (parciais de 25x21/22x25/23x25/25x14/12x15). Para a partida, o técnico Alessandro Fadul levou à quadra os atletas Caio Alexandre, Bruno, Sergio Felix, Gustavo, Alberto Pedra e Matheus Celestino, enquanto a seleção chilena, comandada por Daniel Nejamkin, levou a campo a equipe base que competiu nos torneios de classificação para a Olimpíada de Tóquio.

No primeiro set, o time suzanense iniciou o jogo com muito volume, assumindo a ponta do placar logo de cara. Muito efetiva nos ataques, a equipe da casa emplacou um bom ritmo em um set muito equilibrado, fechando a parcial por 25 a 21. O resultado empolgou os suzanenses que acompanhavam por meio de transmissão online.

No segundo set, a seleção chilena voltou mais focada no duelo, estabilizando os nervos da partida. Forçando nos saques, a equipe de Nejamkin criou boa vantagem nos primeiros pontos do set, segurando boa vantagem até a reta final da parcial quando o Suzano intensificou suas ações de ataque, levando mais perigo à defesa chilena. Ainda assim, não foi suficiente para evitar a vitória dos visitantes por 25 a 22. 

Com a igualdade de sets no placar, o Chile seguiu imprimindo seu bom ritmo na terceira parcial, conquistando nova vitória. À frente do placar durante todo o set, a seleção chilena soube administrar bem a frente construída ao longo da etapa, mantendo a estratégia de ataques rápidos pelas pontas. Diante de nova reação na parte final do set, o Chile manteve a concentração e a dianteira nos pontos, fechando nova parcial por 25 a 23 para virar o duelo na Arena Suzano.

Precisando reagir dentro da partida, o time de Alessandro Fadul mudou o espírito no quarto set, impondo um forte ritmo no ataque para explorar o bloqueio chileno. Com muita qualidade pelas pontas da quadra, o Suzano não deu chances para a equipe adversária, e emplacou várias sequências de pontos no placar, fechando o duelo com a maior vantagem de pontos registrada no jogo: 25 a 14. Com esse resultado, o aguardado amistoso foi para o tie-break.

Vibrantes durante todo o duelo, os atletas das duas equipes entraram no último set determinados a fechar a partida com vitória. Mantendo a tranquilidade para administrar a parcial, os estrangeiros souberam reter a boa frente contra os suzanenses para anotar 15 a 12, fechando o primeiro de dois amistosos contra o Suzano Vôlei com vitória.

“Tivemos um bom volume, especialmente no quarto set, onde fomos dominantes no jogo. Acredito que nossa equipe tem um bom caminho trilhado pela frente e demonstramos isso hoje nesse jogo. Nosso objetivo é preparar bem a equipe para o Campeonato Paulista e, para isso, tenho certeza que seguiremos com a pegada no próximo duelo”, disse o técnico Alessandro Fadul. 

O próximo amistoso entre as duas equipes será nesta terça-feira (24) na Arena Suzano, às 19h.