Paulo Preto, ex-diretor da Dersa, é preso novamente em operação da Polícia Federal

Divulgação

Paulo Vieira de Souza e sua filha foram presos na quarta-feira, 30, em SP, após descumprimento de ordem judicial. Paulo é ex-presidente do Desenvolvimento Rodoviário S/A. Já foi citado como operador de propinas do PSDB por sete delatores da Lava Jato.